Nutes faz nova entrega de equipamentos da PDP com a presença do Ministro da Saúde

O Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde (Nutes) da UEPB entregou, nesta segunda-feira (17), mais 80 equipamentos produzidos através da Parceria para o Desenvolvimento Produtivo (PDP), que envolve, além do Nutes, a empresa Lifemed e o Ministério da Saúde. A entrega de 28 desfibriladores e 52 monitores de sinais vitais foi realizada em Campo Grande (MS), durante o Encontro Estadual de Vigilância em Saúde e contou com a presença do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Os aparelhos serão integrados à rede de saúde de 42 municípios do Estado do Mato Grosso do Sul. Os monitores serão usados na remoção de pacientes, assim como para Unidade de Terapia Intensiva (UTIs). Já os desfibriladores seguem para enfermarias e prontos-socorros e têm como finalidade reverter arritmia e parada cardíaca.

A Parceria para o Desenvolvimento Produtivo (PDP) é um projeto do governo federal que envolve o Nutes/UEPB, a empresa Lifemed e o Ministério da Saúde. Firmada em 2013, a PDP visa a cooperação técnica entre instituições públicas e entidades privadas para desenvolvimento, transferência e absorção de tecnologia, produção, capacitação produtiva e tecnológica do país em produtos estratégicos para atendimento às demandas do SUS. “A PDP incentiva o desenvolvimento tecnológico no país, além de fixar a mão de obra qualificada para produção dos equipamentos médicos”, destacou o coordenador geral do Nutes, professor Misael Morais, que representou a Universidade Estadual da Paraíba na solenidade de entrega dos equipamentos.

O ministro Luiz Henrique Mandetta destacou que as PDPs são projetos de desenvolvimento de parcerias de transferência tecnológica. “Aparelhos que, antes, nós tínhamos dependência tecnológica, agora passamos a produzir gradativamente dentro do Brasil. Foi um dia muito importante para o SUS”.

O Mato Grosso do Sul é o décimo oitavo estado, além do Distrito Federal, a receber equipamentos médicos produzidos pela Parceria para o Desenvolvimento Produtivo. De dezembro de 2017 até agora, foram entregues 671 desfibriladores e 1.137 monitores de sinais vitais que passaram a fazer parte da rede do SUS. Ainda neste primeiro semestre estão previstas entregas na Paraíba, Roraima e Rondônia e Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Traduzir »